• Áliston Meneses

Reitor de universidade catarinense é cotado para assumir o MEC



Depois da demissão de Abraham Weintraub e da queda antes mesmo da posse de Carlos Alberto Decotelli e Renato Feder, um novo nome passou a ser citado como favorito para assumir o Ministério da Educação. "Cotado a ministro da Educação, o educador Aristides Cimadon vem a Brasília para reunião com Bolsonaro, nesta segunda. O nome dele foi indicado por parlamentares de Santa Catarina", informa a CNN.


"Cimadon tem 70 anos, é reitor da Universidade do Oeste de Santa Catarina, tem graduação em Filosofia e Pedagogia, pela Universidade de Passo Fundo e bacharelado em Direito pela instituição onde hoje é reitor. Em 2017, ele abriu as portas da Universidade para sediar palestras do deputado federal Eduardo Bolsonaro, filho do presidente", aponta ainda o site.


É descrito por apoiadores como alguém conciliador, de "fala mansa" e que "não vai trazer problemas para Bolsonaro".


Brasil 247

Receba nossas atualizações

  • Facebook ícone social
  • Instagram

© 2019 Aconteceu PB — Todos os direitos reservados