• Áliston Meneses

Paraíba registra em 2019 o menor número mortes violentas em 12 anos


A Paraíba registrou, em 2019, o menor número de crimes violentos letais intencionais (CVLI) em 12 anos, segundo os dados do Anuário da Segurança Pública divulgados pelo Governo do Estado. No ano passado, foram registradas 942 ocorrências. Na série histórica, o número vem caindo desde 2012.


O documento, elaborado Núcleo de Análise Criminal e Estatística da Secretaria de Estado da Segurança e da Defesa Social (Seds), classifica como CVLI os crimes de homicídio doloso, feminicídio, latrocínio e lesão corporal seguida de morte.

Na série histórica iniciada em 2000, o ano de 2011 foi o mais violento, com 1.680 crimes, com uma taxa de 44,3 mortes por 100 mil habitantes. No ano passado, a taxa foi de 23,4 por 100 mil habitantes, a menor em 13 anos.


Outros dados importantes registrados no Anuário da Segurança Pública na Paraíba em 2019 foram:


  • 60 cidades não registraram CVLI

  • 8 cidades não têm registros há quatro anos

  • Três vezes no ano, a PB teve 48 horas seguidas sem registros de CVLI

  • No ano, foram 33 dias seguidos sem nenhum CVLI no estado


Em números absolutos, a maior parte dos crimes registrados foi de homicídios dolosos, com 869 mortes. Também foram registrados 38 feminicídios, 26 latrocínios e nove lesões corporais seguidas de morte.


Nos dados relativos às cidades, João Pessoa segue o ritmo de queda no número de CVLIs estadual, desde 2011, e registrou 192 casos em 2019. Este é o menor número desde 2002. A capital paraibana passou um período de 13 dias seguidos sem CVLIs no ano passado.


Já Campina Grande registrou 54 crimes violentos letais intencionais no ano passado, o menor número em 18 anos. Na série histórica, a cidade vem registrando queda no número por dois anos seguido. No ano passado, a cidade teve 34 dias seguidos sem registros.


G1/PB

Receba nossas atualizações

  • Facebook ícone social
  • Instagram

© 2019 Aconteceu PB — Todos os direitos reservados