• Áliston Meneses

Operação Calvário: Gaeco apresenta nova denúncia contra ex-governador Ricardo Coutinho



O Grupo de Atuação Especial Contra o Crime Organizado do Ministério Público do Estado da Paraíba (Gaeco/MPPB) apresentou uma nova denúncia à Justiça contra o ex-governador da Paraíba, Ricardo Coutinho, com base nas investigações desenroladas a partir da Operação Calvário. A acusação se refere a irregularidades no contrato firmado entre a Cruz Vermelha e o Hospital de Trauma no ano de 2012, quando o socialista era gestor do estado.


O Gaeco investiga o contrato da Cruz Vermelha do Brasil com o Hospital de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena, em João Pessoa. A informação foi veiculada na Arapuan FM, nesta terça-feira (14).


De acordo com a denúncia, o esquema criminoso desviou mais de R$ 50 milhões entre 2011 e 2019. Protocolada na 7ª Vara Criminal da Capital, a nova ação foi classificada como peculato, que é o crime praticado por funcionários públicos contra a administração pública.


Além de Ricardo Coutinho, também estão na denúncia Daniel Gomes da Silva, Livânia Maria da Silva Farias, Waldson Dias de Souza, Claudia Luciana de Sousa Mascena Veras, Karla Michele Vitorino Maia, Leandro Nunes Azevedo, Saulo de Avelar Esteves, Ricardo Elias Restum Antonio, Milton Pacífico José de Araújo, Saulo Pereira Fernandes, Keydison Samuel de Sousa Santiago e Michelle Louzada Cardoso.




Redação


Veja mais notícias no Aconteceu PB.




sr joana.jpg