• Áliston Meneses

Governo realiza obras da quarta etapa do Programa de Manutenção de Barragens



O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Infraestrutura, dos Recursos Hídricos e do Meio Ambiente (Seirhma), já executou 25% das obras da quarta etapa do Programa de Manutenção de Barragens.  Essa etapa dos trabalhos foi dividida em três lotes, que estão sendo efetuados simultaneamente, beneficiando reservatórios do Sertão no lote um, do Litoral no lote dois e a barragem de Gramame/Mamuaba, que abastece a Capital, no lote três, num total de 66 barragens. O investimento no PMB é de R$ 30 milhões, com recursos do Estado.


O trabalho na barragem de Gramame/Mamuaba está sendo efetuado com serviços de desmatamento e limpeza da área do entorno e de estradas de acesso, manutenção dos equipamentos hidromecânicos, desobstrução de calhas de drenagem, regularização do terreno e recomposição da erosão, além da instalação de piezômetros, para monitoramento do nível de pressão da água no reservatório e manutenção de drenos. Estão sendo investidos na obra aproximadamente R$ 3,7 milhões e a previsão para conclusão é fevereiro de 2021.


Segundo o secretário da Seirhma, Deusdete Queiroga, essa é uma ação indispensável, tendo em vista a importância do reservatório que abastece a Capital e por ser também a Infraestrutura eleita como prioridade da população no Orçamento Democrático Estadual (ODE/2020), na primeira Região, polarizada por João Pessoa.


O Programa de Manutenção de Barragens vem sendo realizado em todo Estado desde 2011 em 150 barragens monitoradas pela gestão estadual, por meio da Seirhma e pela Agência Executiva de Gestão das Águas (Aesa).  A previsão de conclusão é abril de 2021. O programa objetiva realizar monitoramento com frequência das barragens, visando deter o avanço do desgaste pelo tempo. 


Deusdete Queiroga adiantou que a ação consiste na inspeção e eventual intervenção na parte estrutural, limpeza da vegetação, sobretudo nos períodos chuvosos, como está acontecendo neste ano de 2020; restauração e substituição de equipamentos. “As medidas são no sentido de prevenir prejuízos de ordem material e da segurança das populações circunvizinhas”, afirmou o secretário.




Secom-PB

Receba nossas atualizações

  • Facebook ícone social
  • Instagram

© 2019 Aconteceu PB — Todos os direitos reservados