• Áliston Meneses

Governo capacita professores dos municípios sobre plataformas de ensino remoto


O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Educação e da Ciência e Tecnologia da Paraíba (SEECT-PB), vai realizar, a partir do próximo dia 13, capacitações virtuais com professores e gestores de diversas redes municipais de ensino. O objetivo é incluir as ferramentas e diretrizes estabelecidas pelo Regime Especial de Ensino da Rede Estadual criado durante a suspensão das aulas presenciais, nas abordagens pedagógicas das escolas municipais.


Com dados positivos de engajamento de estudantes e professores, a Rede Estadual de Ensino da Paraíba vem se destacando no cenário nacional em estratégias para o ensino remoto durante a pandemia do novo coronavírus. Diante disto, surgiu o interesse de municípios do território paraibano por desenvolver uma parceria para abranger esta capacitação para as demais redes de ensino. A ação envolve um curso sobre uso do Google Classroom e ferramentas digitais disponíveis gratuitamente para a educação, através de uma abordagem técnica e pedagógica.


Adesão - Os municípios que se interessarem pela proposta e quiserem aderir têm até a data que durar o curso para preencher um formulário que está disponível no site https://sites.google.com/see.pb.gov.br/pbtec-ead-municipios/. No mesmo site, os professores e gestores poderão fazer as matrículas de 6 a 10 deste mês de julho. Os certificados começarão a ser disponibilizados para os cursistas a partir do dia 10 de agosto, após o término das capacitações.


Para a efetivação da pactuação entre secretarias municipais de educação e SEECT é necessário preencher um formulário enviando toda a documentação solicitada.


O curso - As capacitações destinam-se aos professores de todos os componentes curriculares e modalidades de ensino das redes municipais que tenham interesse em aderir a proposta oferecida em parceria com o Governo do Estado da Paraíba.


Izabelly Dutra, professora da Rede Estadual e orientadora da formação, explicou como os cursos serão desenvolvidos pelos professores. “A formação tem como objetivos principais a introdução dos professores às práticas de ensino remoto e mediação da aprendizagem através do uso de ferramentas digitais para comunicação entre escola e comunidade em ambientes virtuais, ou através de ferramentas e instrumentos que não fazem uso de internet, além de orientação em torno da utilização da tecnologia como ferramenta de suporte para o planejamento pedagógico, gestão de atividades remotas e estratégias para o engajamento de estudantes que não possuem acesso a ferramentas digitais e/ou internet. O Google Classroom será utilizado como ambiente de formação e para o compartilhamento de materiais norteadores”, explicou Izabelly.


Professores e gestores - A proposta contém dois módulos para professores e três módulos caso o profissional ocupe o cargo de coordenação ou gestão pedagógica, cada um deles contendo atividades compostas de lições interativas, sendo o terceiro módulo voltando para técnicas de monitoramento das ações.


O curso será composto de 25 horas de aprendizagem virtual para professores e 30 horas para profissionais da gestão. Após o acesso a esse material, o professor terá condições de aplicar os conceitos aprendidos de forma prática, a fim de iniciar seu planejamento de atividades através do uso de plataformas virtuais como o Google Classroom, ferramentas digitais alternativas ou atividades impressas sem o uso de internet.


Secom-PB

Receba nossas atualizações

  • Facebook ícone social
  • Instagram

© 2019 Aconteceu PB — Todos os direitos reservados