• Áliston Meneses

Governador parabeniza estudantes da Rede Estadual pelos resultados de excelência na redação do Enem


Mesmo diante das dificuldades que surgiram em decorrência da pandemia da Covid-19, resultando na suspensão das aulas presenciais, estudantes da Rede Estadual de Ensino se destacaram com notas acima de 900 na redação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020. O governador João Azevêdo parabenizou, nesta segunda-feira (5), durante o programa Conversa com o Governador, os 385 estudantes que obtiveram resultados considerados de excelência na redação, dos quais 25 conquistaram 980 pontos.


Na oportunidade, João Azevêdo afirmou que estes resultados trazem muita felicidade para todos que fazem a rede estadual de ensino. “Tivemos agora na última prova do Enem, até o momento, porque ainda estamos fazendo apuração, 385 alunos da rede pública acima de 900 pontos na redação. Além disso, 25 obtiveram 980 pontos. Lá em 2019, foram 267 redações acima de 900 pontos, sendo nove com 980 pontos. Ou seja, houve um crescimento. Isso é uma alegria muito grande”, frisou.


Ele também aproveitou para enfatizar o papel do Desafio Nota Mil, coordenado pela Secretaria de Educação, Ciência e Tecnologia, que incentiva e estimula a produção de redações pelos estudantes. “O impacto do programa Desafio Nota Mil trouxe resultados positivos nesse Enem, então fico muito feliz em celebrar isso com vocês. Estou torcendo para que a pandemia passe logo, para que possamos nos reunir com alunos. Tanto aqueles que tiveram nota 900 como 800 pontos, com todos aqueles que tiverem aprovação no Enem. Em breve, quando sair a nota de corte, vamos saber quantos alunos da Rede Estadual foram aprovados no Enem. O ensino público pode ser um ensino de qualidade, é isso que sempre buscamos”, disse João Azevêdo.


O governador ainda garantiu que no final de 2021, a Paraíba será o estado com o maior percentual de escolas integrais no Brasil, unidades que, segundo ele, contribuíram para as notas nas redações. “Todos os 223 municípios da Paraíba terão pelo menos uma escola em tempo integral. Sabemos dos resultados da escola integral para o ensino público. O investimento em educação tem um retorno muito rápido”, afirmou.


Em 2020, além do Se Liga No Enem, e do Concurso de Redação da Fundação de Apoio à Pesquisa do Estado da Paraíba (Fapesq), os estudantes da Rede Estadual tiveram mais um programa na preparação para o Enem: o Desafio Nota Mil, que incentiva a realização de redação nos moldes do Enem e teve a participação de 12.475 alunos. Por causa da pandemia do novo coronavírus, as atividades dos três programas aconteceram de forma remota em plataformas online, com vídeos e transmissões ao vivo por lives.


O estudante Filipe Galdino, da Escola Cidadã Integral Técnica Matias Freire (escola indígena), na Baía da Traição, tirou nota 980 na redação. Ele conta que foi necessário fazer mudanças importantes na sua rotina diária para dar conta dos estudos. “Minha rotina nessa pandemia não foi das mais "doces", havia muito barulho durante o dia, muitos afazeres que me deixavam ocupado, decidi que precisava estudar nem que fosse do jeito mais difícil. Comecei a estudar durante a noite, vendo o dia amanhecer, cansado, mas realizado pela produtividade nos estudos. Participei do Se Liga No Enem e do Desafio Nota Mil, dois programas que me ajudaram na realização do Exame”, relatou.


A maior dificuldade da estudante Thauany Macedo, da Escola Cidadã Integral Graciliano Fontini Lordão, em Pedra Lavada, era se adaptar às aulas on-line. “Mesmo com aulas remotas e com dedicação, consegui alcançar 980 pontos na redação. Foi uma surpresa para mim! Participava do Se Liga No Enem e toda semana fazia uma redação com o tema diferente. Foi muito difícil enfrentar as aulas on-line, principalmente no momento muito importante, que era o 3° ano. Estou feliz com meu desempenho, e pretendo cursar Arquitetura”, disse.


A estudante Eduarda da Silva da Escola Cidadã Integral Graciliano Fontini Lordão, em Pedra Lavada, também tirou 980 pontos na redação. “De início, a redação era a minha grande dificuldade, mas com o passar do tempo consegui superá-la. Iniciei minha rotina de estudos ainda em janeiro de 2020, procurando utilizar todas as ferramentas que tinha ao meu alcance. Participei do programa Se liga no Enem, realizando um cronograma diário, alternando as áreas de conhecimento cobradas no Enem. Fiquei realizada e feliz ao ver a nota que alcancei, em virtude de todo o esforço que foi chegar até aqui”, contou.


Se Liga No Enem – Em uma perspectiva multiplataforma, o programa fez uso do Google Classroom como sala de aula virtual para acompanhamento das atividades junto aos estudantes. Também foram realizados simulados e revisões on-line por meio do canal no YouTube da Secretaria de Educação; programas de revisão na Rádio Tabajara AM, de terça a sexta-feira; e na TV Paraíba Educa, cujo objetivo foi alcançar alunos que não têm acesso à internet; além do Desafio Nota 1000, com questões lançadas semanalmente.


Foram mais de 1.266 estudantes matriculados nas 14 salas do Google Classroom; 19.750 respostas às atividades semanais e simulados durante a preparação; 87 vídeos autorais no classroom e com play list no YouTube do Se liga; 114 podcasts gravados; mais de 206 mil impressões no YouTube, que é o número de pessoas que o conteúdo do Se Liga conseguiu alcançar; 8 mil horas de exibição de aulas no YouTube e mais de 30 mil visualizações nas lives interdisciplinares que aconteceram aos sábados.


Desafio Nota Mil - Tem o objetivo de mobilizar e interagir com os estudantes da Rede Estadual de Ensino e manter uma rotina de estudos mesmo durante a pandemia do novo coronavírus. Todos os dias, os professores da Rede Estadual de Ensino lançam um desafio com questões nos moldes do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). A partir daí os alunos precisam resolver as questões propostas pelos professores e enviar as respostas através de um formulário, que também é disponibilizado através das redes sociais.


Entre março de 2020 e janeiro de 2021, nas 14 Gerências Regionais, 426 Escolas (227 integrais e 199 regulares) e 12.475 estudantes participaram do Desafio Nota Mil, totalizando 142.998 redações – sendo 81% do ensino médio e 19% do ensino fundamental. Em relação à evolução da média geral, em abril/2020 era: 407,3, já em janeiro/2021 subiu para: 781,7. No que diz respeito ao comparativo das competências entre o 1º e 9ª mês do Desafio Nota Mil, foi notado que houve na Proposta de Intervenção um avanço de 178%; no Tema e Estrutura avanço de 105%; na Coesão Textual avanço de 83%; Argumentação: avanço de 81%; Gramática avanço de 47%.


Concurso de Redação Fapesq - O concurso de Redação da Fapesq em 2020 foi inserido no Desafio de Redação Nota 1000 e teve como tema é "Inteligência Artificial: A Nova Fronteira da Ciência Brasileira".


Quatro alunos foram premiados – ao invés dos tradicionais três – porque houve um empate no primeiro lugar. Os estudantes receberam medalhas e certificados. Após o período de pandemia, também participarão de visitas técnicas ao Instituto Nacional do Semiárido (Insa), em Campina Grande, e às instalações do curso de Ciência de Dados e Inteligência Artificial da UFPB, em João Pessoa.


As duas escolas dos primeiros lugares receberão troféus e as duas professoras orientadoras recebem certificado de participação e vão acompanhar os estudantes nas visitas técnicas.




Redação com Secom-PB


Veja mais notícias no Aconteceu PB.

Receba nossas atualizações

  • Facebook ícone social
  • Instagram

© 2019 Aconteceu PB — Todos os direitos reservados