• Áliston Meneses

Deputado Anísio Maia pede cassação de Cabo Gilberto na Assembleia após parlamentar defender golpe


O deputado Anísio Maia anunciou nesta quarta-feira (11), durante sessão na Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), que está encaminhando à Mesa Diretora da Casa uma representação, por Quebra de Decoro Parlamentar, contra o deputado Cabo Gilberto (PL).


Ao explicar o pedido de cassação do parlamentar, Anísio acusou Cabo Gilberto de atentar contra a democracia quando defende um golpe no país, o retorno da ditadura militar.


“Cabo Gilberto foi muito claro. Ele pode agora tá arrependido do que disse. Mas quando Cabo Gilberto se expressa dessa forma, não há outra saída. Ele simplesmente disse: precisamos dar um contragolpe, assim como ocorreu em 1964. O que aconteceu em 1964? A instituição de uma ditadura no Brasil, o fechamento do Congresso, prisões de jornalistas, deputados. Isso chama-se golpe de estado, cassação generalizada de parlamentares, supressão da liberdade de imprensa. Foi isso que vossa excelência defendeu claramente”, disse Anísio Maia.


Ele questionou o fato de um deputado, que foi eleito por meio da democracia, pregar contra a democracia. “Pior, incitar a população para atuar contra a democracia. Um parlamentar, principalmente um parlamentar, jamais poderia dizer isso. As palavras não são vazias, têm uma representação, têm um significado”, afirmou.


Segundo Anísio, Cabo Gilberto está arregimentando correligionários para se insurgir contra a democracia.


“Vossa excelência está querendo arregimentar seus correligionários para se insurgir contra a democracia no Brasil. Não é a toa que os bolsonaristas estão se armando, comprando armas. Estão preparando um golpe de estado e vossa excelência está incitando a esse golpe. Então, vossa excelência está ferindo o decoro parlamentar. Jamais um deputado, um parlamentar, pode atuar nesse sentido”, completou.


Ele concluiu sua fala anunciando a representação contra Cabo Gilberto. “Portanto, estou encaminhando para esta Casa, à Mesa Diretora, uma representação por Quebra de Decoro Parlamentar contra o deputado Cabo Gilberto”.


Anísio disse que não se trata de questão pessoal, mas é uma questão que jamais pode se deixar de levar em conta, ressaltando que “atentar contra a democracia é crime”.



Redação


Veja mais notícias no Aconteceu PB

cartão logo.jpg
giphy.gif