• Áliston Meneses

Damares cobra pedido de desculpas após Porchat dizer que não quer ter filhos



A ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos, Damares Alves, foi às redes sociais neste domingo (11) para criticar o humorista Fábio Porchat após ele dizer que não pretende ter filhos com a esposa, Nataly Mega. A ministra se ofendeu com a frase, dizendo que comentário é “grave” e cobrou um pedido de desculpas.


A declaração do humorista foi feita em entrevista ao jornal O Globo, na última semana. “É um inferno ter filho. O maior medo é perder o que construímos. Somos muito companheiros. Tenho medo de um filho atrapalhar. Esse casamento me dá paz, a gente compra as maluquices um do outro. E filho atrapalha”, disse.


Damares, no entanto, associou a fala do apresentador a um ataque direto às crianças e que, segundo ela, pode contribuir com mais violência. “Gostaria muito que ele refletisse sobre a gravidade de sua frase. Em um país que temos tantos assassinatos de crianças e adolescentes, em um país que crianças são vítimas das mais terríveis formas de violência, na grande maioria praticada por pais e familiares, um ator tão popular declarar que ‘filho é um inferno e que atrapalha’ pode contribuir para mais ódio contra as crianças e incitar os pais covardes e doentes a acreditarem que de fato filho é uma maldição e um peso”, escreve.




Revista Fórum

sr joana.jpg