• Áliston Meneses

Covid-19: vacina que será testada no Brasil apresenta 90% de eficácia


O laboratório chinês Sinovac Biotech anunciou que a vacina em teste para a Covid-19 induziu a produção de anticorpos em mais de 90% dos pacientes que receberam a dose. A substância é a mesma que será aplicada em voluntários brasileiros no Instituto Butantan, em São Paulo. Em nota divulgada neste domingo (14), a empresa explicou que 600 pessoas participaram desta etapa (fase 2) dos ensaios, mas nem todas foram vacinadas - houve o chamado grupo placebo, que serve de controle e não recebe nenhuma substância. O número exato de pessoas testadas não foi informado, mas não houve efeitos colaterais severos, segundo o comunicado Parceria Na semana passada, o governador de São Paulo, João Doria (PSDB), deu detalhes sobre a vacina "Coronavac", que foi administrada em mil pessoas nas fases 1 e 2 na China. Segundo Doria, os testes clínicos da fase 3 começarão em julho em nove mil voluntários brasileiros. Após a comprovação da eficácia, o medicamento poderá ser produzido em larga escala. A estimativa é de que a vacina esteja disponível no primeiro semestre de 2021.



Redação com SBT