• Áliston Meneses

Cearense morta em Marizópolis foi sufocada antes de levar tiros na cabeça, diz perícia


A perícia realizada pela Polícia Científica na manhã desta terça-feira (19) no local onde foi encontrado o corpo da jovem Lúcia Suelen da Silva Sampaio concluiu, pelos primeiros levantamentos, que ela foi sufocada antes de sofrer três disparos de arma de fogo.


A informação foi confirmada pelo perito criminal Júlio César Ferreira. Segundo ele, os tiros efetuados pelo acusado atingiram a vítima na nuca, na barriga e no tórax.


“O caso dela é sugestivo para ter sido esganada com as mãos, pois vimos várias marcas no pescoço. Percebemos também que o disparo que pegou no tórax saiu nas costas”, frisou o perito.


Suelen Sampaio, era natural do município de Crato, no estado do Ceará, tinha 29 anos de idade e deixou três filhos. Ultimamente a jovem residia na cidade de Fortaleza e o seu corpo foi encontrado dentro de um quarto de uma pousada na saída de Marizópolis para Cajazeiras, no Sertão paraibano.


Investigação

O delegado Francisco Abrantes, da Delegacia de Sousa, informou que Suelen Sampaio se encontrava em Marizópolis na companhia de um homem de aproximadamente 40 anos de idade, desde o último sábado (16) “Até o momento ele é o único suspeito deste feminicídio”, completou.


Segundo a autoridade policial, no local do fato foram encontrados alguns objetos, como dois celulares, uma mala com roupas, duas necessaires, maquiagens, bijuterias e dois litros de whisky, além de documentos de um veículo.


“Os celulares serão submetidos à perícia e os demais pertences farão parte da investigação”, concluiu Dr. Abrantes.


Blog do Levi

Receba nossas atualizações

  • Facebook ícone social
  • Instagram

© 2019 Aconteceu PB — Todos os direitos reservados