• Áliston Meneses

Câmara de Bayeux tem 48h para realizar eleição para prefeito


O juiz  Francisco Antunes Batista, da 4ª Vara Mista de Bayeux, deu o prazo de 48h para o presidente da Câmara Municipal de Bayeux, Inaldo Andrade, realizar eleição indireta para prefeito do município.


Inaldo terá que cumprir determinação do desembargador Fred Coutinho, que reconsiderou uma decisão anteriormente proferida pela desembargadora Maria das Graças Morais Guedes e determinou que a Câmara de Vereadores de Bayeux realize a eleição indireta para os cargos de prefeito e vice.


As eleições haviam sido suspensas a pedido da vereadora Lucília Luiz de Freitas, sob dois argumentos: exiguidade do prazo de registro de candidatura e ausência de previsão de prazo para defesa em caso de rejeição desse pleito.


A vereadora se inscreveu como candidata ao cargo de vice-prefeita, mas teve o registro indeferido por não possuir a devida autorização do seu partido para participar da eleição indireta. No plantão judiciário, a desembargadora Maria das Graças Morais Guedes concedeu a antecipação de tutela, determinando a suspensão do pleito.



Redação / WSCOM

Receba nossas atualizações

  • Facebook ícone social
  • Instagram

© 2019 Aconteceu PB — Todos os direitos reservados