• Áliston Meneses

Bolsonaro conversa com Putin e Brasil ficará ‘neutro’ sobre ataque da Rússia à Ucrânia



O Brasil adotará um posicionamento neutro em relação a guerra da Rússia e Ucrânia. Foi o que afirmou neste domingo (27), o presidente Jair Bolsonaro (PL), que disse ter tido uma conversa hoje com o presidente da Rússia, Vladimir Putin.


Jair Bolsonaro justifica a decisão ao dizer não quer “trazer as consequências do conflito dos dois países europeus para o Brasil.


“Nós temos que ter muita responsabilidade porque temos negócios, sobretudo com a Rússia. O Brasil depende de fertilizantes. Agora a pouco estive conversando do o presidente Putin, tratamos de muita coisa, dos fertilizantes, do nosso comércio e ele falou alguma coisa sobre a Ucrânia que eu me reservo a entrar em detalhes”, destacou.


Bolsonaro disse que o voto do Brasil na Organização das Nações Unidas será de “equilíbrio” e não estará atrelado a nenhuma potência mundial.


“Nós não podemos ao interferir, sem bem que queremos a paz porque temos uma colônia de ucranianos muito grande no Brasil, mas não podemos trazer consequências para cá”, acrescentou Bolsonaro sanções poderão trazer problemas principalmente para o agronegócio do país.




Redação


Veja mais notícias no Aconteceu PB.