• Áliston Meneses

Associação Paraibana de Astronomia abri campanha para comprar meteoro encontrado em Nova Olinda


A Associação Paraibana de Astronomia (APA) abriu uma campanha de financiamento coletivo para arrecadar fundos para comprar o meteorito de 26kg, o primeiro da Paraíba, encontrado em 2014 em Nova Olinda e que passou quase seis anos como adorno de mesa, até que foi classificado oficialmente em 2022. A meta da APA é conseguir R$ 50 mil para comprar a pedra e mantê-la na Paraíba, para ser exposta ao público.


O meteorito foi encontrado pelos irmãos Edsom e João Jarba Oliveira. Eles trabalham com joias e aproveitaram a seca de um lago em uma fazenda da família para procurar por ouro com detector de metais. Eles encontraram o meteorito, mas não sabiam que se tratava de uma pedra especial. O objeto ficou decorando a mesa da casa de Edsom até que ele suspeitou que se tratava de um meteorito e encaminhou amostras para pesquisa científica.


Segundo a APA, o estudo dessas rochas vindas do espaço ajuda a ciência a compreender o processo de formação do Sistema Solar, a evolução dos planetas e asteroides e, por isso, os meteoritos chamam a atenção de cientistas, colecionadores e museus, que pagam caro pelos objetos.


O objetivo da associação é adquirir a rocha para que ela fique na Paraíba, permitindo o contato da população do estado com a rocha, para que ele possa inspirar jovens e crianças a seguir na carreira científica.


A APA informou que pretende montar uma exposição, com o meteorito em uma redoma e com painéis explicativos contando a história dele, além dos dados de análise e de como identificar um meteorito.


A campanha de financiamento coletivo tem três níveis de apoio. A partir de R$ 15, os apoiadores participam de um sorteio de 30 objetos feitos com resina acrílica e pequenos fragmentos do meteorito. Com R$ 50 de apoio, é possível concorrer ao sorteio de cinco fragmentos do meteorito, que já foram retirados como parte das amostras de pesquisa. Já o apoio maior, de R$ 1 mil, permite que a pessoa que apoiou indique um local específico para a exposição do meteorito, por um dia. A campanha fica aberta até junho.



Redação


Veja mais notícias no Aconteceu PB.

cartão logo.jpg
giphy.gif