• Áliston Meneses

Acusado de matar ex-companheira em Cajazeiras recebe alta e vai para presídio


Um homem suspeito de cometer o crime de feminicídio e logo em seguida tentar contra a própria vida na noite do último sábado (8), em Cajazeiras, sertão da Paraíba, recebeu alta. Ele estava internado sob custódia policial e já na manhã deste domingo (9) foi encaminhado para o presídio.


O homicídio foi praticado dentro uma casa na Rua Higino Tavares. Sebastião Aprígio de Sousa, de 26 anos, teria atingido a ex-companheira com vários golpes de faca. A vítima foi identificada como Geise Pinto de Sousa. Em seguida, Sebastião teria tentado tirar a própria vida usando da mesma faca.


A mulher morreu ainda no local, já Sebastião foi socorrido por uma equipe do SAMU ao Hospital Regional de Cajazeiras (HRC), de onde recebeu alta.